quinta-feira, 31 de março de 2011

DEPUTADO CONTROLA PMDB, PSB E PMN EM JUCURUTU

Partidos de aluguel no RN 
Sávio Hackradt

O Deputado Nelter Queiroz (PMDB), em entrevista ao blog de Marcos Dantas disse que, em Jucurutu, vai controlar além do PMDB, o PSB e o PMN.

Vejam o que anunciou Nelter Queiroz: “Henrique já me deu carta branca para eu assumir a comissão provisória do PMDB jucurutuense. Isso já foi acordado. Como voto em Jucurutu, eu deverei assumir a presidência, vou colocar o vereador Rubinho na comissão e também vou colocar meu filho George Queiroz”, revelou.

Depois, acrescentou sobre o PSB e o PMN: “Existe um compromisso da ex-governadora Wilma de Faria e do ex-governador Iberê Ferreira de Souza para que a gente indique o comando do PSB de Jucurutu. Também o PMN ou o partido que Robinson comandar ficará sob nossa orientação em Jucurutu”, concluiu.

Quer dizer: é a completa desmoralização de partidos políticos que no Rio Grande do Norte só servem como legenda de aluguel.
 O curioso é que se fala nessas aberrações como se fosse a coisa mais natural, ética, decente.
Até quando?
 

VIDA DA EX-SENADORA MARINA SILVA VAI VIRAR FILME

Marina Silva  
Vida de Marina Silva no cinema   

A vida de Marina Silva, ex-senadora e ex-candidata à Presidência da República, vai inspirar filme, com direção de Sandra Werneck. As informações são do Estadão.

O longa, inspirado no livro "Marina: a vida por uma causa", vai contar a história da ecologista e defensora da Amazônia, desde a infância atípica até sua atual trajetória na política.

A obra "Marina: a vida por uma causa", pela jornalista Marília de Camargo César, foi publicado no ano passado durante a campanha eleitoral de Marina Silva, que recebeu quase um quinto dos votos, atrás de Dilma Rousseff e de José Serra.

PSD PODERÁ NASCER FORTE NO RIO GRANDE DO NORTE

Robinson Faria acertando ida para o PSD levaria pelo menos sete deputados 

Vice-governador Robinson Faria

O novo Partido Socialista Democrático – PSD, fundado recentemente pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, já deve nascer forte no Rio Grande do Norte. O vice-governador Robinson Faria (PMN), confirmou que recebeu o convite do prefeito Kassab para assumir o comando da legenda no Estado.

Caso Robinson aceite presidir o PSD potiguar, a bancada da legenda na Assembléia deve mesmo ser a maior, o que hoje cabe ao PMDB com seis deputados. Segundo o Jornal de Hoje, o PSD pode contar com a presença não só do presidente do legislativo, Ricardo Motta, como também dos deputados estaduais: Raimundo Fernandes, Gesane Marinho, estes todos do PMN, José Dias (PMDB), Nélter Queiroz (PMDB), e Gustavo Carvalho (PSB), entre outros. 
Fonte:blog V T

HENRIQUE ALVES É HOMENAGEADO EM BRASÍLIA COM A OUTORGA DEFERÊNCIA POLICIAL FEDERAL

Henrique Alves sendo homenageado em Brasilía pelo Ministério da Justiça - Foto: Lindauro Gomes
Trabalho de Henrique Alves é reconhecido pela Polícia Federal
O deputado Henrique Alves (PMDB/RN) foi homenageado, em Brasília, com a Outorga Deferência Policial Federal, pelo reconhecimento dos serviços prestados à sociedade brasileira e ao Departamento de Polícia Federal do Ministério da Justiça.
A comenda máxima da instituição foi concedida pelas cinco associações de classe dos diversos servidores da instituição, entre eles, delegados, agentes, escrivães e papiloscopistas.
A solenidade fez parte das comemorações do Dia do Policial Federal e dos 67 anos da Polícia Federal.
O líder do PMDB na Câmara dos Deputados foi reconhecido pelo seu trabalho junto à bancada do partido para votar projetos que beneficiaram, não apenas a carreira profissional dos diversos seguimentos da Polícia Federal, como também, as condições de trabalho da instituição em todo o Brasil.
A comenda foi entregue ao líder do PMDB pelo presidente da Associação Brasileira dos Papiloscopistas Policiais Federais, Celso Zuza Neto. ”É um orgulho termos líderes como Henrique Alves defendendo os valores da Polícia Federal dentro na Câmara dos Deputados”, disse o presidente da ABRAPOL.
“O resultado desse nosso trabalho no Congresso Nacional, resultou na brilhante atuação e no reconhecido serviço que a Polícia Federal tem prestado ao povo Brasileiro“, declarou o deputado ao agradecer a honraria.
Henrique Alves foi homenageado ao lado de outras autoridades como o ministro da Previdência Social, Garibaldi Filho, o presidente do Senado Federal, José Sarney e o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Arlindo Chinaglia.
Fonte:  AssImp
Liderança do PMDB

quarta-feira, 30 de março de 2011

ROSALBA SERÁ PALESTRANTE NO NEC/PINGUINHO DE GENTE


Governadora Rosalba Ciarlini será palestrante do Projeto Liderança Participativa 2011 do NEC/Pinguinho de Gente

A governadora Rosalba Ciarlini se reunirá nesta quinta-feira (31) com um grupo de estudantes. O encontro faz parte do Projeto Liderança Participativa 2011, do NEC/Pinguinho de Gente, e acontecerá às 10h, na sede da instituição, no Barro Vermelho.

Todos os anos antes da eleição de líderes de turma, uma autoridade vai à instituição falar com os alunos. Assim, a palestra da governadora acontece um dia antes da eleição de líderes do NEC. "Esse contato é importante para que os alunos compreendam o valor da liderança positiva, fundamentada nos princípios éticos que levam sempre a prática do bem, no que se refere ao indivíduo e ao coletivo", disse Aparecida Rocha, diretora do NEC.

Durante toda campanha o colégio desenvolve a forma correta de exercer a cidadania com cada candidato a líder e com os eleitores (alunos), através da realização de debates, palestras, campanhas publicitárias e outras atividades sobre liderança, a fim de que o tema seja bastante explorado pelos alunos.

Os ensinamentos também são levados à sala de aula, onde é mostrado aos alunos que para ser um bom líder é preciso ter compromisso e consciência, além de qualidades, como ser democrático, compreensivo, educado, responsável, honesto, com iniciativa, justo, leal, participativo, persistente e ser exemplo para todos.

O Projeto Liderança Participativa também conta com o apoio do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) que disponibiliza as urnas eletrônicas para votação dos líderes.
Por Assecom-RN

HOSPITAL WALFREDO GURGEL REALIZOU PALESTRAS SOBRE PREVENÇÃO DO CÂNCER GINECOLÓGICO

 Prevenção do câncer ginecológico é tema de debate no Walfredo Gurgel

O Núcleo de Assistência à Saúde do Trabalhador (Nast) do Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel (HMWG) realizou nesta quarta-feira (30), uma manhã de atividades em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. Foram quatro palestras com foco na prevenção do câncer ginecológico e na saúde da mulher.

Entre as diversas informações debatidas no evento, foram divulgados os três tipos de câncer mais comuns entre as mulheres do Rio Grande do Norte: pele não melonama, mama e colo de útero. Além disso, a técnica do Núcleo de Doenças e Agravos Não Transmissíveis da Secretaria Estadual da Saúde Pública (Sesap), Severina Pereira, declarou que 80% dos casos de câncer de mama são descobertos pelas próprias mulheres. Ainda segundo a técnica, existem no Estado 28 serviços credenciados ao Sistema Único de Saúde (SUS) que oferecem tratamento oncológico.

A ginecologista do Nast Marilda Macario respondeu dúvidas das participantes do evento e enfatizou que a mamografia é o único exame recomendado para identificar com segurança a presença da doença. "É difícil detectar um câncer de mama com muita antecedência. Por isso o preventivo deve ser feito uma vez ao ano", afirmou. Ela explicou também que a mulher fica mais suscetível a apresentar um quadro canceroso de colo de útero quando inicia sua vida sexual ou quando se encontra no período de gravidez.

Do total de 1.276 funcionárias do Walfredo Gurgel, apenas 30 procuram mensalmente o Nast, para se precaver contra a doença. Apesar disso, Marilda Macario informou não haver registro de casos de câncer de colo de útero entre as servidoras do hospital. Existem, porém, diversas ocorrências de lesões pré-malignas. "Essas lesões são alterações celulares superficiais que, se não forem devidamente tratadas, podem evoluir para um quadro cancerígeno", explicou a ginecologista.

Entre as medidas de prevenção ao câncer, além da realização periódica do exame clínico das mamas, foi destacada nas palestras a manutenção de hábitos alimentares saudáveis, incluindo o aumento da ingestão de produtos integrais, tubérculos, vegetais e frutas e a diminuição da ingestão de alimentos gordurosos. Outra medida recomendada foi a prática regular de atividades físicas.
Por Assessoria Sesap

INADIMPLENTES DA CAERN TERÃO MAIS 180 DIAS PARA EFETUAREM SEUS PAGAMENTOS

 
 Caern prorroga prazo para usuários pagarem dívidas com descontos

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) está prorrogando por mais 180 dias o prazo para os usuários inadimplentes regularizarem sua situação perante a empresa. Com a decisão, o prazo para incentivo à negociação de débitos, previsto para terminar nesta sexta-feira, dia 1º de abril, fica prorrogado até o dia 30 de setembro. Durante este período a Caern está concedendo desconto de 50% nos valores das multas regulamentares, taxas de corte ou de religação e também dos períodos não faturados. A empresa está dispensando acréscimos nos juros de mora e atualização monetária, sejam nos débitos faturados ou para cobrança futura.

Para o diretor-presidente da Caern, Walter Gasi, a empresa não tem interesse em cortar água de nenhum usuário, mas não admite que alguns queiram receber os serviços, de forma clandestina, sem pagar por eles. "Isso é injusto e afronta aqueles que cumprem seus compromissos, pagando as contas dentro do prazo", ressaltou Gasi. Disse ainda que é inaceitável comprometer a qualidade dos serviços de água e esgotos, por falta de recursos, motivada  pela inadimplência. Segundo ele, a prorrogação é a oportunidade de parcelar débitos em até 36 vezes ou receber descontos nos pagamentos à vista, além da dispensa de multas, juros e correção monetária. O incentivo vale para todas as categorias de consumidores, incluindo públicos, industriais, comerciais e particulares, que possuem contas atrasadas até março de 2010.

INCENTIVOS
O assessor comercial, José Dantas, informa que quem parcelar o débito, no máximo em 36 vezes, terá anistia total dos acréscimos, dos juros e atualização monetária da dívida, além do desconto de 50% no valor da multa. Ele lembra que o valor da parcela não poderá ser inferior a metade do valor da respectiva tarifa mínima. O pagamento será feito através das faturas mensais. Mesmo que exista parcelamento anterior, o usuário poderá negociar outro débito para cobrança futura, aproveitando o incentivo da resolução da Diretoria Colegiada da Caern. Todas as situações serão analisadas individualmente, seguindo os critérios previstos na resolução.

José Dantas informa ainda que está em fase de contratação, o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e Cadastro Bancário (Serasa), para bloquear o crédito dos inadimplentes com a empresa, a exemplo de outras congêneres. A Caern possui 836.041 ligações (economias) de água no Rio Grande do Norte, desse total, 150 mil, aproximadamente, estão cortadas ou suprimidas.  A fiscalização da Caern constatou também que grande parte desses usuários com serviços cortados já realizou religações por conta própria e estão consumindo água cladestinamente.

Quem quiser aproveitar a oportunidade para negociar as dívidas, deve dirigir-se a um dos escritórios da Caern nos municípios, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30, levando uma fatura dos serviços de água e esgotos, RG e CPF. Nas Centrais do Cidadão, procurar o guichê da Caern, de terça a sexta-feira, das 9 às 21h e aos sábados das 9h às 17h. 
 F: AssCom Caern

BETINHO ROSADO COM O BANCO MUNDIAL RENOVAM PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO SOLIDÁRIO


Betinho Rosado negocia com o Banco Mundial

O Secretario de Agricultura Betinho Rosado participa de reunião, durante todo o dia de hoje, 30 de Março , com  representantes do Banco Mundial para renovação do Programa Desenvolvimento Solidário e apresenta proposta do Governo Estadual.

Trata-se de uma proposta de investimentos em iniciativas de negócios associativos de Base Familiar; investimentos em Infraestrutura voltada ao Desenvolvimento Sustentável, Desenvolvimento Institucional priorizando a capacitação e qualificação do pequeno produtor rural e Gestão de Projetos, um montante em torno de US$ 140.000.000.

terça-feira, 29 de março de 2011

SANTANA DO MATOS FORA DO POLO TURÍSTICO SERIDÓ, MESMO SENDO O MUNICÍPIO COM O MAIOR NÚMERO DE SÍTIOS ARQUEOLÓGICO DO ESTADO

 
Prof Assis Braga e um grupo de alunos de Santana do Matos na entrada da caverna da Serra dos Bassos, local catalogado com pinturas e gravuras rupestres (Sítio Arqueológico) o qual foi inserido no Projeto Turístico Cultural trabalhado de 2003 a 2007 e na reta final foi abortado pela atual administração do município, ficando de fora do Pólo Turístico Seridó.

 Setur participa da reunião do Pólo Seridó

Na manhã de hoje, foi realizada, em Currais Novos, a 1ª reunião do Pólo Seridó de 2011. Pensar, planejar e discutir ações que possam desenvolver a atividade turística na região são os objetivos dos integrantes deste grupo formado por associações, entidades, instituições, gestores e representantes dos dezessete municípios participantes.

O secretario adjunto de Turismo do RN, Eduardo Bulhões e a subsecretaria de Turismo do RN, Sânzia Cavalcanti, representaram o secretario de Turismo Ramzi Elali. Na abertura da reunião, Sânzia destacou os investimentos previstos no orçamento do Prodetur para a região este ano. "A Setur tem priorizado a diversificação do produto turístico e a interiorização do turismo. Seguindo este pensamento, este ano, a região do Seridó receberá muitos investimentos do Prodetur. O Governo do Estado investirá, por exemplo, em um diagnostico da demanda e oferta da capacitação turística da área e na implantação de vinte cursos profissionalizantes", afirmou.

Outra novidade da reunião foi a validação pelo Conselho do Pólo Seridó da listagem dos sítios arqueológicos que serão contemplados pelo projeto conveniado entre a Setur e o Ministério do Turismo. O convênio para visitação dos sítios arqueológicos do pólo contemplará 10 sítios distribuídos em Carnaúbas dos Dantas, Acari e Parelhas (Casa Santa, Xique Xique III, Mão Redonda, Pedra do Alexandre, Furna dos Caboclos, Furna do Mateus, Poço do Artur, Pedra do Chinelo, Pedra do Vem Vem e Olho d'agua das Gatas).

Dentre os assuntos discutidos os destaques foram para uma apresentação da ADESE como realizador do Plano Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável do Seridó; a apresentação do relatório preliminar do Inventário Turístico do Seridó, produzido pela UFRN; a apresentação do estudo preliminar da Indicação Geográfica do Bordado do Seridó e a apresentação do II Fórum Regional de Políticas Públicas sobre drogas e Messoregião do Seridó e a apresentação da ABETA (Associação Brasileira de Empresas de Ecoturismo e Turismo de Aventura).

Santana do Matos - Casa grande da Fazenda São Vicente sendo na época visitada pelo Sec de Educação Luiz Soares (2007) em acompanhamento ao projeto. O sítio arqueológico São Vicente fica a 300 m do casarão onde seria um ponto de apoio pronto ao fluxo turístco rural e cultural. O projeto pronto, faltando apenas construir tres mata-burros foi abortado por interesses não explicados após três anos de pesquisas e investimento.

Em todas as discussões, a preocupação com o estudo e o planejamento da atividade turística foi destaque. Na apresentação dos resultados preliminares da pesquisa do inventário do potencial turístico da região do Seridó Potiguar, por exemplo, a equipe da UFRN destacou a importância de conhecer melhor a região, seus potenciais e fragilidades, para poder contribuir ainda mais para o seu desenvolvimento. De acordo com o professor Francisco Fransualdo, este será o primeiro pólo turístico do Brasil a ter o seu inventário turístico. "Este material será de grande importância para a região, pois temos que antes de tudo, conhecer nosso potencial arqueológico, histórico, ecológico e cultural para poder oferecer o melhor para o nosso turista e para a nossa população. Temos que desenvolver nosso fluxo turístico ordenadamente", afirmou Francisco.

Geólogo Welson Assunção Ramos e representantes da Secretaria de Turismo/RN (SETUR/RN) em visita ao sítio arqueológico São Vicente período (2007/2008) por ocasião de encaminhamento de pareceres para a Sec de Educação de Santana do Matos e SETUR/RN

A coordenadora técnica do Prodetur/Setur, Carmem Vera, aproveitou a oportunidade para destacar a importância da participação do Pólo no Salão do Turismo, que será realizado em julho, em São Paulo. "Estamos convidando mais uma vez o Seridó para mostrar todos seus atrativos a nível nacional", enfatizou Carmem. O diretor do Banco do Nordeste/RN, José Maria Vilar, também falou sobre os projetos aprovados pelo BNB no RN, onde mais de 44 municípios foram beneficiados, só em 2010. Ele ressaltou a importância da produção de novos projetos e a disponibilidade do banco em contribuir para o desenvolvimento do turismo.

A inauguração dos Sítios Arqueológicos Xique Xique I e II, realizada na segunda (28), em Carnaúba dos Dantas, também foi um dos destaques do encontro.

Pólos Turísticos do RN 

O Rio Grande do Norte está divido em cinco pólos turísticos: 

1 - Costa das Dunas
2 - Agreste/Trairi
3 - Serrano
4 - Costa Branca
5 - Seridó.

Do Pólo Seridó, fazem parte os municípios de: 
Acari, Caicó, Cerro Corá, Carnaúba dos Dantas, Currais Novos, Equador, Florânia, Jardim do Seridó, Jucurutu, Lagoa Nova, Ouro Branco, Parelhas, Santana do Seridó, São João do Sabugi, Serra Negra do Norte, Tenente Laurentino Cruz e Timbaúba dos Batistas.

Seridó
Localizado ao sul do Estado, este pólo é constituído por ecossistemas naturais e possui uma vegetação única: a caatinga. Faz parte do nordeste semi-árido e abrange importantes sítios arqueológicos, que registram a presença do homem pré-histórico através das inscrições rupestres. Com cavernas, serras, trilhas, rios, açudes e tanques naturais. A força das tradições populares, como os folguedos e festas religiosas, a gastronomia sertaneja e o seu rico artesanato com seus famosos bordados, também despertam o fascínio dos visitantes. 
Por Assessoria SETUR

NOTA FISCAL ELETRÔNICA (NFe) - NOVA VERSÃO A PARTIR DE 1º DE ABRIL

Nova versão da NF-e no RN entra em vigor dia 1º de abril

A partir do dia 1º de abril de 2011 será obrigatória a emissão de Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) na versão 2.0. Esse novo formato exige ainda mais informações sobre as transações entre empresas e clientes. Os contribuintes devem atualizar o software emissor até 31 de março, pois a partir desta data os documentos fiscais eletrônicos emitidos na versão anterior (1.10) não serão mais aceitos.

O novo modelo já está disponível desde de julho de 2010, porém cerca de 51% das empresas no Rio Grande do Norte ainda não se adequaram a este formato. A adequação representa melhoria da gestão, incluindo ganhos de produtividade, segurança e redução de riscos em áreas contábeis, administrativas e logísticas. A versão 2.0 inclui alguns aperfeiçoamentos que facilitarão no momento de autorização do documento fiscal.

Também a partir de 1° de abril de 2011 os fornecedores de órgãos públicos deverão emitir a NF-e nas suas operações para vendas. A regra vale para qualquer esfera, seja ela federal, municipal e estadual.

Segundo o auditor fiscal Marcone Brasil, da Coordenadoria de Informática, a emissão da NF-e nessas operações representará um incremento indireto na arrecadação do Rio Grande do Norte, e facilitará o controle do Fisco sobre estas operações.

No Rio Grande do Norte foram emitidos quase 17 milhões de Notas Fiscais Eletrônicas no último ano. No Brasil, o volume é superior a 2 bilhões de documentos. Ela alcança o universo de contribuintes do setor industrial e de distribuição.

Saiba mais
 Vantagens da NF-e:
 * Simplifica as obrigações acessórias dos contribuintes
* Permite o acompanhamento em tempo real das operações comerciais pelo Fisco.
* Economia de papel - emissão tradicional pode significar até 5% do faturamento das empresas, segundo dados nacionais
* Preservação do meio ambiente
* Aumento da competitividade entre as empresas
* Redução do tempo de caminhões com mercadorias em postos fiscais
* Redução do Custo Brasil
*Redução de custos operacionais
* A NF-e não substitui o cupom fiscal. Este documento é usado apenas para transações entre contribuintes com CNPJ, com algumas exceções como emissão de nota fiscal para consumidores finais (vendas de veículos e alguns eletrodomésticos).
 AssImp da SET

HENRIQUE ALVES FALA SOBRE A MORTE DE JOSÉ ALENCAR


Henrique Alves fala sobre a morte de José Alencar

O líder do PMDB na Câmara dos Deputados, Henrique Alves, participava da reunião de líderes para definir a pauta de votação do dia, em plenário, quando recebeu a notícia da morte do ex-vice-Presesidente da República, José Alencar. Henrique Alves deu a seguinte declaração pelo twitter: "Morreu hoje José Alencar, um dos maiores homens públicos que este país já conheceu! Exemplo de fibra e coragem para todos nós" e continuou -  "Estou em reunião na liderança do governo. As notícias sobre José de Alencar chegaram no começo da discussão da pauta da semana". Por causa da morte do político e empresário mineiro as votações foram suspensas.

Geraldo Gurgel
SAssImp

HENRIQUE ALVES BUSCA CONSENSO SOBRE O FIM DA PRISÃO ESPECIAL


 Líder do PMDB busca consenso sobre o fim da prisão especial

O líder do PMDB na Câmara, Deputado Henrique Eduardo Alves, quer saber o posicionamento da bancada peemedebista sobre o fim da “prisão especial”, discutido na reforma do código Penal Brasileiro. A liderança do partido enviou nesta terça-feira aos parlamentares um questionário consultando a bancada sobre este tema, o mais polêmico do projeto.

Editado pelo Poder Executivo em 2001, o projeto de lei nº 4208/2001 volta à pauta nos próximos dias. O projeto altera dispositivos do Código de Processo Penal – Decreto-Lei nº 3689 de 03 de outubro de 1941 - relativos à prisão processual, fiança, liberdade provisória e demais medidas cautelares. O projeto volta à Câmara após ter sido modificado pelo Senado Federal. O principal substitutivo do Senado extingue com ressalvas a hipótese de prisão especial.

Para o líder, é importante um consenso entre os deputados do PMDB sobre a questão da prisão especial para que haja unidade em plenário, assim como ocorreu com a votação do salário mínimo. “É fundamental consultarmos toda a nossa bancada e debatermos o tema com afinco, uma vez que é um artigo bastante polêmico do projeto. Queremos o PMDB mais unido do que nunca”, afirma Alves.

O projeto-de-lei que voltará a ser debatido na Câmara altera o Código de Processo Penal na parte relacionada às medidas cautelares. O Senado alterou o projeto modificando o artigo nº 295 do Código, extinguindo-se a prisão especial. Deste modo, a prisão especial é válida somente nos casos de preservação da vida e incolumidade física e psíquica do preso.

Além desta, outras alterações também foram feitas pelo Senado na forma original do projeto e serão apreciadas pela Câmara novamente, são elas: alteração da nomenclatura de indiciado por investigado, inclusão da monitoração eletrônica entre as medidas cautelares diversas da prisão, suprimento da necessidade de fiança para os crimes cuja pena máxima não seja superior a dois anos, entre outras modificações.
Mila Ferreira
AssImp

PESQUISA SOBRE LAMPIÃO

Quando Lampião quase foi aniquilado
Parte 1 – O combate na Lagoa do Vieira 

Virgulino Ferreira da Silva , o Lampião 

Nos primeiros meses do ano de 1924, o chefe cangaceiro Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião, mantinha junto com seu bando uma intensa atividade de pilhagens, assaltos e ataque aos seus inimigos na região fronteiriça entre os estados de Pernambuco e da Paraíba. Neste setor não eram incomuns as notícias dos cangaceiros nas cidades de Princesa (PB), Triunfo e São José de Belmonte (PE). São deste período dois grandes ataques do bando de Lampião contra o ex-companheiro de cangaço, Clementino Furtado, ou o famoso “Clementino Quelé”.

Segundo o livro “Pernambuco no tempo do cangaço, Volume I, de Geraldo Ferraz de Sá Torres Filho (Recife,2002), em sua página 328, informa que segundo o Boletim Geral nº 05, da Polícia Militar de Pernambuco, as primeiras horas da manhã de seis de janeiro e 1924, dia dedicado aos Santos Reis, o chefe cangaceiro atacou um sítio próximo a vila de Santa Cruz, atual cidade de Santa Cruz da Baixa Verde, a apenas seis quilômetros de Triunfo, acompanhado de um grupo de cangaceiros calculado em sessenta homens.

Durante seis horas de nutrido tiroteio, Clementino Quelé suportou juntamente com outros membros de sua família, uma terrível provação. Mesmo tão próximo a cidade de Triunfo, somente as onze daquela manhã foi que o sargento Higino Belarmino, ordenou o deslocamento de sua tropa para salvar os sitiantes. Diante do fogo dos policiais, Lampião ordenou a retirada. Na casa ficaram três mortos, sendo um deles irmão de Quelé, e um ferido.

Não satisfeito pelo fato de ter conseguido matar o ex-companheiro de bando, o chefe Lampião retorna cinco dias depois a casa de Quelé, com igual número de cangaceiros, e reinicia o ataque. Aparentemente desta vez a tropa veio em socorro dos sitiantes mais rapidamente. Entretanto, como na ocorrência anterior novamente Quelé perdeu outros parentes e amigos.

Diante da situação, Clementino Quelé o homem que suportou os ataques de Lampião, cruzou a fronteira e seguiu para a cidade de Princesa, onde através da influência do “dono” do lugar, o coronel José Pereira, sentou praça na polícia paraibana. Ele recebeu a patente de sargento e tratou logo de montar uma força volante para caçar seu maior inimigo e o seu bando.

Diante da repercussão destes combates, as forças policiais dos dois estados aumentam a pressão contra os cangaceiros. Pelos próximos dois meses circulam notícias da presença do bando na proximidade da vila de Nazaré e informações de um assalto ao sítio São Domingos. (Ferraz, op. cit. Págs. 331 e 332).

Theophanes Ferraz Torres
Theophanes Ferraz Torres, o notório oficial da polícia pernambucana que prendeu Antônio Silvino em 1914, dez anos depois caçava Lampião. Imagem obtida a partir do livro “Pernambuco no tempo do cangaço, Volume I”, de Geraldo Ferraz de Sá Torres Filho (Recife,2002) , pág. 362.

Entre os oficiais da polícia pernambucana que desejavam capturar, ou abater, Lampião estava o major Theophanes Torres Ferraz. Aos 30 anos de idade, este militar era considerado uma verdadeira lenda no seio da corporação em que atuava. Ferraz havia se notabilizado pela prisão do famoso cangaceiro Antônio Silvino, em novembro de 1914, após o tiroteio ocorrido no sítio Lagoa da Laje, na zona rural do atual município pernambucano de Vertentes. Há algum tempo ele estava baseado na cidade de Vila Bela, atual Serra Talhada, atuando no desbaratamento de grupos cangaceiros.

Considerado atuante, enérgico e determinado, o nome do major Ferraz é visto costumeiramente nas páginas dos antigos jornais conservados na hemeroteca do Arquivo Público do Estado de Pernambuco. Estes periódicos estampavam principalmente seus telegramas destinados a Eurico Souza Leão, então Chefe de Polícia de Pernambuco, cargo atualmente equivalente ao de Secretário de Segurança. Nestes relatos o major Ferraz dava conta da atuação da força policial no interior.

Em março de 1924, a frente de uma tropa de vinte e cinco policiais, o major Ferraz seguiu de Vila Bela para várias localidades da região do Pajeú pernambucano. Consta que uma das missões do major Ferraz era arregimentar o maior número de homens para formar uma grande volante destinada a combater os cangaceiros que assolavam a região.  Um dos locais para onde a tropa seguiu foi a Serra do Catolé, distante cerca de 30 quilômetros de São José de Belmonte. Este elevado maciço granítico, que possui altitudes que ultrapassam os mil metros, está fincado na região onde as fronteiras dos estados de Pernambuco, Ceará e Paraíba se encontram, tendo seu nome originado a partir da existência de uma grande quantidade de pequenas palmeiras conhecidas como coqueiro catolé. A força policial chegou à região da serra no dia 23 de março.

Na capa do jornal recifense “A Notícia”, de 26 de março de 1924, com a narrativa do combate da Lagoa do Vieira feito pelo major Ferraz.

Segundo João Gomes de Lira, ex-oficial da Polícia Militar de Pernambuco, antigo perseguidor de Lampião na década de 1930 e autor do livro “Memórias de um soldado de Volante” (Recife,1990), informa na página 129 que ao passarem pela  serra, os policiais souberam que três cangaceiros montados em alimárias haviam seguido em direção a região da fronteira da Paraíba. Provavelmente o major Ferraz recebeu a informação que entre os membros daquele pequeno grupo de bandidos estava Lampião e partiu para a perseguição.

Antônio Amaury Correa de Araújo e Vera Ferreira, autores do livro “De Virgulino a Lampião” (São Paulo,1999), na página 96, informam que o chefe cangaceiro seguia com os companheiros que tinham a alcunha de Moitinha e Juriti. Para estes autores os celerados seguiram para a região da Lagoa do Vieira, na intenção de receberem uma encomenda feita a um coiteiro da região.

Por volta das dez horas da manhã os policiais vinham cautelosos ante a aproximação dos cangaceiros. Segundo Lira (op. cit. Pág. 129), o major 
 Ferraz determinou que habitantes da região que buscassem o rastro dos fora das lei. Nesta movimentação os policiais ouviram a aproximação de alimárias, viram os três homens montados e o tiroteio começou.
Durante a visita a região, o pesquisador fotografou 
(dezembro de 2008) a área apontada como sendo 
a Lagoa Vieira estava praticamente seca.
Logo o animal que transportava o chefe cangaceiro caiu varado de balas e um destes disparos igualmente atingiu o calcanhar direito de Virgulino. O cavaleiro caiu ao solo, onde na seqüência a sua montaria tombou sobre seu pé ferido e Lampião ficou momentaneamente preso. Se não fosse a ação destemida de Moitinha e Juriti, provavelmente aquele seria o dia derradeiro do “Rei do Cangaço”.

Segundo o juiz de direito Sérgio Dantas, autor do livro “Lampião - Entre a Espada e a Lei” (Natal,2008), nas páginas 48 e 49, informa através do depoimento colhido junto a Vanderley Pereira Nunes, da cidade de Serra Talhada, que teria sido o próprio major Ferraz quem atingiu o chefe cangaceiro.

De alguma forma Lampião se livra do peso do animal morto e mesmo ferido consegue reagir a altura da situação. Logo, segundo a nota publicada no jornal “A Noticia” ele e seus companheiros fogem em direção a uma serra, que o oficial pernambucano declara ser a “Serra da Catinga”, existente nas proximidades.

Segundo as pessoas que atualmente habitam a isolada região da Lagoa do Vieira, o local deste combate é demarcado pela existência de uma árvore do tipo “pau-ferro”, em uma parte mais baixa do terreno, próximo as margens desta lagoa. Em relação aos detalhes deste acontecimento, os atuais moradores não transmitiram muitas informações, mas foram categóricos em apontar o local do combate, através de relatos passados pelos mais velhos.

Nas imediações desta árvore, neste mesmo antigo caminho de barro, segundo os moradores da região, foi o local onde se deu este combate do dia 23 de março de 1924.

O abundante rastro de sangue mostra o caminho para onde a tropa deve seguir. Ainda segundo a nota publicada no jornal recifense, a cerca de uma légua de distância, ou seja, seis quilômetros, na altura de um lugar chamado “Barro”, outros cangaceiros vieram em socorro do chefe e montaram o ponto de disparos. Logo a tropa é violentamente atacada em uma emboscada. 

Neste ponto a tropa do major Theophanes Ferraz se encontra em desvantagem, o tiroteio cresce e logo claros são abertos no lado dos militares. Em pouco tempo três policiais são feridos, sendo dois com gravidade.

Em sua nota na imprensa pernambucana, o major Ferraz informa que diante da situação dos dois feridos, os praças Manoel Amaro de Souza, que havia sido atingido no olho direito e de Manoel Gomes de Sá, baleado no braço esquerdo e na coxa direita, ele decidiu se retirar do combate para buscar um local apropriado para aplicar os primeiros tratamentos, além de conseguir a remoção dos mesmos para Belmonte e Vila Bela. Ainda segundo o oficial, os homens atingidos gravemente foram transportados nas costas dos seus companheiros de farda até uma propriedade denominada Montevidéu. O soldado João Demetrio de Souza, o terceiro ferido, este sem gravidade, consegue seguir por seus próprios meios.

Da parte dos cangaceiros, o ferimento no pé de Lampião preocupa. O cangaceiro paraibano Cícero Costa de Lacerda propõem conduzir o chefe para o alto a Serra das Panelas, que ficava nas proximidades.

Vendo seu ferimento melhorar Lampião Imaginava que, juntamente com seus cangaceiros, todos estavam bem protegidos no alto da grande serra, mas logo ele teria um encontro com um dos seus mais terríveis inimigos, Clementino Quelé.

As estradas da região próxima a Lagoa do Vieira são péssimas, mantendo a região ainda bastante isolada.
Fonte: R Medeiros

MORRE O EX-VICE-PRESIDENTE JOSÉ ALENCAR AOS 79 ANOS

 Ex-vice-presidente José Alencar morre aos 79 anos

Nos últimos 13 anos, Alencar enfrentou batalha contra o câncer.
Ele passou por diversas cirurgias e buscou tratamento alternativo nos EUA.

O ex-vice-presidente da República José Alencar morreu nesta terça (29), às 14h45, por falência múltipla de órgãos, aos 79 anos, no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. O político mineiro lutava contra um câncer na região do abdômen.

Na última das várias internações, Alencar estava desde segunda (28) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital Sírio Libanês, em São Paulo, com quadro de suboclusão intestinal.

O ex-vice-presidente lutava contra o câncer havia 13 anos, mas nos últimos meses, a situação se complicou.
Após passar 33 dias internado – inclusive no Natal e no Ano Novo –, o ex-vice-presidente havia deixado o hospital no último dia 25 de janeiro para ser um dos homenageados no aniversário de São Paulo.

A internação tinha sido motivada pelas sucessivas hemorragias e pela necessidade de tratamento do câncer no abdômen. No dia 26 de janeiro, recebeu autorização da equipe médica do hospital para permanecer em casa. No entanto, acabou voltando ao hospital dias depois.

Durante o período de internação, Alencar manifestou desejo de ir a Brasília para a posse da presidente Dilma Rousseff. Momentos antes da cerimônia, cogitou deixar o hospital para ir até a capital federal a fim de descer a rampa do Palácio do Planalto com Luiz Inácio Lula da Silva.

Ele desistiu após insistência da mulher, Mariza. Decidiu ficar, vestiu um terno e chamou os jornalistas para uma entrevista coletiva, na qual explicou por que não iria à posse e disse que sua missão estava “cumprida”. Na conversa com os jornalistas, voltou a dizer que não tinha medo da morte. “Se Deus quiser que eu morra, ele não precisa de câncer para isso. Se ele não quiser que eu vá agora, não há câncer que me leve”, disse.
No mesmo dia, ele recebeu a vista de Lula, que deixou Brasília logo após a posse de Dilma.

Internações
Os últimos meses de Alencar foram de internações sucessivas. Em 9 de fevereiro, ele foi hospitalizado devido a uma perfuração no intestino. O ex-vice-presidente já havia permanecido internado de 23 de novembro a 17 de dezembro para tratar uma obstrução intestinal decorrente dos tumores no abdômen. No dia 27 de novembro, foi submetido a uma cirurgia para retirada de parte do tumor e de parte do intestino delgado.

Alencar passou alguns dias na UTI Cardiológica e começou a fazer sessões de hemodiálise depois que os médicos detectaram piora da função renal. Em setembro de 2010, foi internado em razão de um edema agudo de pulmão. No dia 25 de outubro, voltou ao Sírio-Libanês ao apresentar um quadro de suboclusão intestinal. Dias após a internação, ainda no hospital, sofreu um infarto no fim da tarde do dia 11 de novembro. Foi submetido a cateterismo, “que não mostrou obstruções arteriais importantes”.

Batalha contra o câncer
O ex-vice-presidente travou uma longa batalha contra a doença. Nos últimos 13 anos, enfrentou uma série de operações e tratamentos médicos. Foram mais de 15 cirurgias. Em abril de 2010, desistiu da candidatura ao Senado para se dedicar ao tratamento do câncer.

Desde 1997, foram mais de dez cirurgias para retirada de tumores no rim, estômago e região do abdômen, próstata, além de uma cirurgia no coração, em 2005.

A maior delas, realizada em janeiro de 2009, durou quase 18 horas. Nove tumores foram retirados. Exames realizados alguns meses depois, no entanto, mostraram a recorrência da doença.

Também em 2009, iniciou em Houston, nos Estados Unidos, um tratamento experimental contra o câncer. Alencar obteve autorização para participar, como voluntário, dos testes com um novo medicamento no hospital MD Anderson, referência no tratamento contra a doença. O tratamento não surtiu o efeito esperado e o então vice-presidente voltou a fazer quimioterapia em São Paulo.

José Alencar era casado com Mariza Campos Gomes da Silva e deixa três filhos: Josué Christiano, Maria da Graça e Patrícia.

Tratamento no exteriorO
tratamento experimental nos EUA em 2009 não foi a primeira tentativa de Alencar de obter a cura fora do país. Ele já havia viajado para os Estados Unidos em 2006 para se tratar com especialistas. No ano seguinte, no entanto, os exames mostraram que o câncer havia se espalhado para o peritônio, uma membrana que reveste as paredes do abdômen.

Iniciava-se, então, a série de cirurgias na região. Em 2008, foram três internações. Em janeiro e em julho, exames mostraram uma reincidência de tumores abdominais. Em agosto, Alencar começou tratamento com um novo medicamento, a Trabectedina.

Com a saúde fragilizada, o ex-vice-presidente também foi internado por outros problemas. Em novembro de 2008, durante uma visita a Resende (RJ), teve fortes dores abdominais. O diagnóstico foi enterite (inflamação intestinal). Segundo os médicos, não havia relação com o câncer. Vinte dias depois, ele foi internado novamente, com quadro de insuficiência renal. Recebeu alta dois dias depois.
Sempre bem-humorado nas sucessivas vezes em que deixou o hospital Sírio-Libanês, chegava a brincar com seu próprio quadro clínico. "Estou melhor do que das outras vezes", repetia.

Após a maior das cirurgias, em 2009, Alencar saiu do hospital dizendo que não temia a morte. “Não tenho medo da morte, porque não sei o que é a morte. A gente não sabe se a morte é melhor ou pior. Eu não quero viver nenhum dia que não possa ser objeto de orgulho", afirmou. “Peço a Deus que não me dê nenhum tempo de vida a mais, a não ser que eu possa me orgulhar dele."

Problemas de saúde "paralelos"
O ano de 2010 começaria com uma boa notícia para o então vice-presidente. O tumor que tratava vinha apresentando redução, segundo o hospital.

Alguns meses mais tarde, no entanto, ele começou a ter problemas de saúde “paralelos” ao câncer.
No início de maio, numa das idas ao hospital para a quimioterapia, apresentou pressão alta. Exames apontaram isquemia cardíaca e uma “obstrução grave” numa das artérias. Alencar então passou por um cateterismo e uma angioplastia e recebeu um “stent”, um mecanismo que “alarga” a artéria. No total, ficou nove dias internado.

No final do mesmo mês, queixando-se de fadiga, foi internado novamente. Após exames, o hospital constatou que ele estava anêmico e tinha um “quadro congestivo pulmonar”, consequência da quimioterapia. O tratamento, no entanto, continuava a dar resultados positivos, com a redução dos tumores.

No final de agosto, contraiu uma infecção, que foi tratada com antibióticos. Ele seria internado novamente poucos dias depois, no início de setembro, com o diagnóstico de edema agudo de pulmão. Foram mais seis dias no hospital.
Fonte: G1

ESTANDE DO RN VISITADO POR MAIS DE 3 MIL AGENTES DE VIAGEM EM EVENTO DE TURISMO REALIZADO EM SÃO PAULO

Mais de 3 mil agentes de viagem visitam estande do RN na Braztoa

De acordo com informações do vice-presidente da Emprotur, Francisco Barbosa de Albuquerque, o estande do Rio Grande do Norte no 35º Encontro Comercial Braztoa, realizado dias 24 e 25, em São Paulo, foi um dos mais visitados do evento onde mais de 3.360 agentes de viagem puderam conferir os atrativos do Estado.

Barbosa explicou a importância dessas ações de promoção do Estado junto a públicos como esses. "Temos que promover constantemente o RN junto a esta classe de profissionais do turismo, pois assim estaremos sempre na prateleira dessas agências. Com todos os nossos atrativos na mão, os agentes podem "vender" o nosso produto com maior eficiência para os seus clientes. E isto resulta diretamente em um aumento no número de visitantes para o Estado", explicou.

A Feira, organizada pela Associação Brasileira das Operadoras de Turismo, e realizada nos dias 24 e 25, em São Paulo, teve recorde de participantes. Segundo o presidente da entidade, José Eduardo Barbosa, esta edição recebeu a visita de 5,8 mil profissionais, sendo 3.360 agentes de viagem.

Fonte:  Emprotur/Setur

CONFIRA DATA DE PAGAMENTO DO FUNCIONALISMO PÚBLICO ESTADUAL DO RN

 Pagamento dos servidores do Estado começa nesta quarta-feira

pagamentoO Governo do Estado do Rio Grande do Norte inicia o pagamento dos servidores, referente ao mês de março, a partir desta quarta-feira, 30. O pagamento será efetuado na quarta e quinta-feira (31).

Recebem no dia 30, os servidores com matrículas terminadas entre 1 e 5. No dia 31 serão efetuados os pagamentos das matrículas com final 6 a 0. 


Matrícula (Final)
Mês Atual (março)
1, 2, 3, 4 e 5
Dia 30
6, 7, 8, 9 e 0
Dia 31












COMPLEXO CULTURAL DE NATAL COMEMORA SEU PRIMEIRO ANO DE ATIVIDADES

 Complexo Cultural de Natal completa um ano de atividades

 O Complexo Cultural de Natal, na Zona Norte, completa seu primeiro ano de atividades próxima sexta-feira, dia 30 de março. Para comemorar a data, a UERN, que administra o CCN, em parceria com a Fundação da Defesa da Mulher, vai realizar o "I Encontro de Mulheres da Grande Natal contra a Violência Doméstica", além de apresentações que mostrarão parte da produção cultural do Complexo à comunidade.

O evento começa a partir das 13h e terá uma dupla comemoração. "Além de festejar nosso primeiro ano de funcionamento, vamos marcar o encerramento do mês da mulher", explica a professora Michele Galdino Câmara, coordenadora de cursos e eventos do Complexo Cultural de Natal.

Entre os convidados pela Fundação da Defesa da Mulher, através de sua presidente Marisa Noia Montoril, para debater a Violência Doméstica, estão o Coronel Alarico, da Polícia Militar do RN, e os advogados Joanilson de Paula Rêgo e Paulo Lopo Saraiva.

Na programação cultural do evento, se apresentarão o Coral CCN, os grupos de teatro com as peças "Tic Tac de Maria" e  "Com a mulher embaixo do pé", e os grupos de dança popular, com performances do Carimbó e Bumba meu Boi, e de dança contemporânea, com a coreografia "Sobre Elas”.

SOBRE O CCN
Em um ano de atividades, 859 pessoas passaram pelo programa de cursos e oficinas do Complexo Cultural de Natal, incluindo os cursos em parceria com o SENAC/Prodetur. Além dos cursos, foram realizados 40 eventos em 2010.

No ano passado, o curso de Introdução à informática foi o mais procurado, sendo concluído por 120 pessoas em seis turmas.  Dança popular, Balé e Dança de salão também estiveram entre as atividades mais procuradas, bem como alguns cursos profissionalizantes, desenvolvidos através de parcerias firmadas pelo CCN.

Atualmente, o Complexo Cultural de Natal tem 1.405 alunos matriculados no 1º semestre de 2011, em oito cursos (Teatro, Dança, Música, Introdução a informática, Fotografia, Vídeo, Artesanato e Arte Marcial/terapêutica) subdivididos em 20 modalidades e 42 turmas.
 Por Assessoria UERN

Saiba mais sobre o CCN

 O Complexo Cultural de Natal é um espaço de desenvolvimento e promoção de atividades culturais e entretenimento onde a educação, a cidadania e o lazer são reconhecidos como as pilastras de sustentação da vocação ideológica e prática de sua administração. Pilares herdados de sua filiação genealógica (patrimonial e também de recursos humanos), já que o CCN é um membro da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte-UERN.

O CCN se localiza na Zona Norte de Natal dentro do Campus de Natal-UERN (onde antes se situava a penitenciária João Chaves). O CCN é um espaço de 5 mil m2, possui uma galeria de exposição, um teatro com capacidade para 250 pessoas, uma Prática Jurídica, um Núcleo Digital, salas de música e dança e um gabinete de leitura além de uma praça de alimentação com um café cultural, restaturante, livraria e uma agência bancária. Além de ser um espaço de lazer, cultura, artes, o CCN-UERN funciona também como um centro de conveções abrigando eventos, simpósios, colóquios da UERN.

segunda-feira, 28 de março de 2011

SET REALIZA REUNIÃO COM ENTIDADES CADASTRADAS NO PROGRAMA CIDADÃO NOTA 10

 Cidadão Nota 10
Reunião com novidades da campanha será nesta terça-feira (29) às 16h

A Secretaria de Estado de Tributação (SET), realiza nesta terça-feira (29), às 16h, no auditório da Secretaria de Estado da Educação e Cultura (Seec), no Centro Administrativo, em Natal, uma reunião entre o Secretário da Tributação, José Airton da Silva e as entidades cadastradas no programa Cidadão Nota 10. O objetivo deste encontro é tratar das novidades e alterações que serão inseridas no viés da Nota Solidária da campanha. No encontro também será explicado quando estará sendo pago os repasses atrasados das instituições.

Esta já é a segunda reunião realizada pela SET com as entidades do Cidadão Nota 10, debatendo estes assuntos. A primeira foi na quinta-feira (24), às 16h , em Mossoró. Em breve outras regiões também serão beneficiadas com as novidades.

PERMUTA DE TERRENOS POR AGÊNCIAS DO INSS REDUZ EFEITOS DOS CORTES NO OGU

Minsitro da Previdência Social Garibaldi ALves Filho e o Deputado Federal Henrique Alves (PMDB)
Henrique Alves sugere troca de terrenos da previdência por agências do INSS
O líder do PMDB na Câmara dos Deputados, Henrique Alves, em audiência com o Ministro Garibaldi Filho, da Previdência Social, apresentou uma sugestão para reduzir os efeitos dos cortes no Orçamento Geral da União – e do ministério, sem prejudicar a construção das novas agências do INSS em todo o Brasil. “Um dos compromissos do PMDB com a presidente Dilma é melhorar e ampliar os serviços e o atendimento do INSS a população”, disse o deputado, justificando a conversa com o ministro.
 Pela proposta do deputado, o INSS permutaria bens imóveis, adquiridos de devedores da Previdência Social, por obras de novas agências. Cada agência do INSS custa, em média, um milhão de reais. “Um imóvel do INSS, em São Paulo, poderia ser trocado por três novas agências, em diferentes regiões do país, caso fosse avaliado em três milhões”, exemplificou Henrique Alves.  

“O INSS dispõe de cerca de três mil imóveis (terrenos, galpões e até fábricas), sem utilização alguma, em áreas valorizadas para outras destinações, principalmente o mercado imobiliário”, admitiu o ministro. Para ele se desfazer desses bens seria preciso realizar leilões. O problema é que não há garantia de que o dinheiro retorne para o orçamento do ministério.

A permuta dos imóveis, pela proposta apresentada ao ministro, seria pelo valor de mercado e sem burocracia. “A construtora executa a obra onde o INSS estiver precisando da agência em troca da aquisição do imóvel para outros fins”, explicou o deputado.

A meta do ministro Garibaldi Filho é de construir, até o término do atual mandato da presidente Dilma Rousseff, 700 novas agências do INSS, mas só dispões de recursos para um terço do que está programado. Garibaldi considerou a sugestão do deputado Henrique Alves ‘interessante’ e a encaminhou para análise na Procuradoria Jurídica do ministério.

INAMPS - Um exemplo de imóvel da Previdência Social no Rio Grande do Norte, que não está à disposição do INSS é o prédio da Secretária de Saúde do Estado com 14 andares na Av. Deodoro, no centro de Natal. O prédio, do antigo INAMPS, está cedido ao governo com ônus de manutenção para o estado. O edifício não está no perfil de permutável já que funciona normalmente. O ministro ressaltou que não cogita trocar o prédio por novas agências do INSS nem mesmo no Rio Grande do Norte.
 F: AssImp

NOTÍCIAS, ANÁLISES RECHAÇADAS, ESCRITAS PERDURAM ACIMA DA CULTURA DISSECADA – TRAÇOS POÉTICOS - Dutra Assunção


Notícias ... informações dissecadas

Notícias, Pontos de Vista,
Inspiração, em prol de que?
De quem? ...
Curiosidade?! Reflexão!
Calar por instantes ...
Vale a recuperação.

Copiam, comparam e colam.
Os meios, as condições
nos desnorteiam ...
Identidade degradável:
O tempo desgasta rápido,
conteúdos descartáveis.

A hora é sempre agora ...
O momento não muda o fato.
A esperança permanece.
Perseverança, estruturas e ninhos ...
a força, a vida continua ... assim,
vislumbrado definidos caminhos.

Autor: Dutra Assunção

CERVEJA, REFRIGERANTE E ÁGUA DEVERÃO AUMENTAR MAIS DE 10%

Governo sobe IOF para cartões de crédito no exterior e tabela de bebidas

Com as duas medidas, governo aumentará arrecadação de tributos.
Cerveja, refrigerante e água deverão ter aumento de mais de 10%.

No mesmo dia em que confirmou a correção da tabela do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) até 2014, que representará perda de receitas, o governo também lançou mão de mecanismos "compensatórios" para aumentar a arrecadação.

Os setores escolhidos para terem sua tributação aumentada foram as compras no exterior com cartões de créditos e alguns tipos de bebidas, como cervejas, refrigerantes e águas. A equipe econômica ainda não informou quanto pretende arrecadar com estas medidas.

A medida do IOF para cartões entra em vigor nesta segunda-feira com a publicação de decreto presidencial, mas seus efeitos práticos, sobre as operações de câmbio liquidadas, começam a acontecer somente daqui a 30 dias.

Cartão de crédito
De acordo com o decreto presidencial 7.454, publicado no "Diário Oficial da União" desta segunda-feira (28), a alíquota do Imposto Sobre Operações Financeiras (IOF) cobrada sobre os gastos feitos com cartões de crédito no exterior foi elevada de 2,38% para 6,38%. Com isso, também ficam mais caras as aquisições de produtos feitas no exterior por meio deste instrumento de pagamento.

Com o aumento do emprego e da renda, junto com o dólar baixo, os gastos feitos por brasileiros no exterior têm aumentado nos últimos anos. Em 2010,  as despesas bateram recorde, ao somar US$ 16,4 bihões, sendo US$ 10,16 bilhões via cartões de crédito.

Ao utilizar o cartão de crédito, os consumidores conseguem uma cotação da moeda norte-americana mais próxima do dólar comercial. A cotação utilizada pelas instituições financeiras geralmente é informada na fatura dos cartões. Quando o turista decide comprar dólares para levar ao exterior, a cotação cobrada pelos bancos é o chamado "dólar turismo". Nesse caso, o valor é mais alto do que o dólar comercial.

A medida, além de aumentar a arrecadação, também tem o potencial de melhorar o perfil das contas externas ao desestimular gastos de brasileiros no exterior. Para este ano, o Banco Central está prevendo um rombo recorde de US$ 60 bilhões nas contas externas.

Bebidas
O "Diário Oficial da União" desta segunda-feira (28) também traz o decreto presidencial 7.455, que altera a base de incidência de tributos federais, como IPI, PIS e Cofins, sobre algumas bebidas, como cervejas, refrigerantes e águas. Com a medida, o preço de referência destes produtos pode ser elevado em mais de 10% - dependendo da decisão das empresas do setor de repassaram o reajuste aos preços finais.

Representantes do setor de bebidas já haviam confirmado neste mês, após reunião com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, que, dentro de até 60 dias, haveria uma correção da tabela em um valor acima de 10%. A tabela, que não era reajustada desde janeiro de 2009, sofreu um aumento que englobou a inflação acumulada desde a última alteração, no começo do ano retrasado.

Milton Seligman, do Sindicerv e da Ambev, avaliou recentemente que um repasse do reajuste da tabela para os preços dos produtos seria "natural". Já Carlos Alberto Barreto, secretário da Receita Federal, disse na última semana que a decisão de reajuste dos preços aos consumidores é "comercial" e que, por isso, compete a cada empresa, visto que o mercado é livre. A Receita defende que a tabela de incidência dos tributos seja reajustada anualmente.

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que as cervejas, os refrigerantes e as águas tiveram aumentos acima da inflação oficial, desde janeiro de 2009, mesmo sem a correção da tabela de preços de referência por parte da Receita Federal. Neste período, a cerveja subiu 17,3%, enquanto os preços dos refrigerantes e das águas avançaram 16,6%. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que serve de referência para o BC na fixação dos juros, subiu 12,3% neste período.
 Fonte: Alexandro Martello Do G1, em Brasília